No dia 25 de outubro do ano de 1990, na primeira gestão do prefeito Jorge Pereira Abdalla, foi inaugurado o prédio localizado à Rua XV de Novembro, esquina com a Rua Décio Martins Costa, nº 867, à época destinado ao Mercado Público Municipal. Mais tarde, o mesmo passou a ser utilizado pela Secretaria da Agropecuária, Indústria e Comércio, e seus diversos setores, além de departamentos de outras áreas.

Em 08 de setembro de 1993, através da Lei Municipal nº 502, sancionada pelo então prefeito Roberto Antônio Machado, o local passou a denominar-se “Centro Administrativo Rural Arcimar Pereira dos Santos”, em homenagem àquele dedicado funcionário público do município.


Arcimar Pereira dos Santos nasceu em Caçapava do Sul no dia 08 de março de 1960, filho de Arci Silveira dos Santos e Maria Pereira dos Santos. Iniciou seus estudos na Escola Juquinha Pereira, na localidade de Guaritas, os quais tiveram continuidade na Escola Estadual Nossa Senhora da Assunção, onde concluiu o 2º grau e, mais tarde, cursou o primeiro semestre do Curso de Administração de Empresas na Universidade da Região da Campanha (URCAMP), campus de Caçapava do Sul.

Casou-se com Clarice Rosa Stefani no dia 05 de dezembro de 1981, com quem teve os filhos Anayara e Lorenzo.
Arcimar era produtor rural nas Guaritas, trabalhou no Sindicato Rural e no ano de 1983 foi contratado para assumir a chefia do Setor de Eletrificação Rural do município.

Aprovado em concurso público, em 30 de dezembro de 1986 Arcimar foi nomeado funcionário efetivo da prefeitura, na função de escriturário, padrão 4, conforme Portaria nº 59/86.

No ano de 1989, através de Portaria nº 120/89, assumiu a chefia do Departamento de Eletrificação e Telefonia Rural, onde permaneceu até 1991. Em 1º de julho de 1992, Arcimar licenciou-se do trabalho para concorrer à vereança pelo Partido Democrático Social (PDS), nas eleições de outubro daquele ano.

Arcimar era um jovem muito participativo, gostava de política, da lida campeira, de festas e tinha muitos amigos, em especial seus colegas da Prefeitura Municipal, os quais guardam muitas recordações de amizade e companheirismo.
Arcimar foi vice-patrão do CTG Sentinela dos Cerros e participou da Cavalgada Farroupilha no ano do Sesquicentenário, em viagem a cavalo até Alegrete, a Terceira Capital Farrapa.

Arcimar Pereira dos Santos, ainda muito jovem, com apenas 32 anos de idade, faleceu em acidente de trânsito no dia 19 de agosto de 1992, e está sepultado no Cemitério Municipal desta cidade.

Passados 26 anos da data de aprovação da Lei que denominou o referido prédio, até hoje nenhum administrador o identificou com o nome daquele homenageado.

Fátima Jovane Nunes
Pesquisadora