Select Page

Caçapava Memória – Fonte da Rua Sete – Fátima Jovane Nunes

Caçapava Memória – Fonte da Rua Sete – Fátima Jovane Nunes

A centenária Fonte da Rua Sete de Setembro, que por muitos e muitos anos abasteceu a Escola Dinarte Ribeiro e outras instituições da cidade, imaginava estar protegida por sua casinha de pedra para sempre…

No entanto, ao entardecer do dia 26 de março de 2014, recebeu uma visita inesperada: máquinas e caminhões se debruçaram sobre a sua fortaleza.

E, com uma rapidez incrível a mão do homem a destruiu…

E a Fonte jorrou sua água com força Rua Sete abaixo, chorando copiosamente e pedindo por socorro…

Após algum tempo agonizando, fez uma pausa e silenciou.

Eis que decorrido alguns dias, aqueles que a atulharam com pedras e terra, pensando em tê-la destruído para sempre junto com sua história, tiveram uma grande surpresa: A Fonte jorrava novamente, mostrando que continuava

MUITO VIVA!
E nós, que desde criança apreciávamos a velha casinha de pedra com sua protegida Fonte, choramos junto com ela quando vimos seu grande manancial de água passando em frente à nossa casa, mais forte do que nunca!
Então, a mão do homem voltou a desafiar a natureza…

E a Fonte foi canalizada para a rede de esgoto e sufocada outra vez!
E lá se vai mais uma parte da nossa vida, da nossa cidade, da nossa história.

 

Fátima Jovane Nunes
Pesquisadora

Sobre o(a) Autor(a)

Já nas bancas

Curta nossa página

Publicidade

Publicidade