Dagoberto Fontoura de Barcellos foi agricultor, pecuarista, marceneiro, ferreiro, industrialista, comerciante, fundador das firmas Dagoberto Fontoura de Barcellos & Cia Ltda. e Cimaco Materiais de Construção, e sócio fundador da antiga Conder Ltda, nesta cidade No ano de 1945, após as renúncias do prefeito eleito coronel Coriolano Alves de Oliveira e Castro e do juiz nomeado Francisco das Chagas Henriques Tacques, Dagoberto Fontoura de Barcellos foi designado pelo governador do Estado para assumir o executivo municipal por alguns meses. Pertenceu ao partido União Democrática Nacional (UDN).

Dagoberto Fontoura de Barcellos nasceu em Porto Alegre no dia 06 de abril de 1900, filho de João Inácio de Barcellos e Almerinda Fontoura de Barcellos. Foi casado em primeiras núpcias com Helena Rothfucs de Barcellos com quem teve os filhos Maria Zilah, João Ernesto, Helena Carmen, Dagoberto Filho, Gilberto, Beatriz Terezinha e Vera Maria. Em segundas núpcias no ano de 1967, casou com Sueli Risch.

Dagoberto Fontoura de Barcellos governou o município de Caçapava do Sul em um período que o Rio Grande do Sul passava por uma grande estiagem e não pode realizar grandes obras, mas mesmo assim ainda conseguiu destinar verba para a conclusão de aula municipal (escola) na Picada do Ricardinho, 4º distrito deste município.

Dagoberto Fontoura de Barcellos começou a erguer o Grupo DB no ano de 1918 no auge da sua juventude, com apenas 18 anos de idade. Foi quando decidiu investir os bens de seus avós em uma área de 823 hectares contendo jazidas de pedra calcária, às margens da BR 392. Em 1952, a firma Dagoberto Barcellos  deixa o registro individual e passa a ser uma indústria de nome coletivo denominada Dagoberto F. Barcellos & Cia Ltda. Em 1958, o empresário ampliou as instalações da indústria e construiu o primeiro sistema de moagem de calcário. Hoje, a DB oferece soluções para a construção civil (Cal e Argamassa) e para o agronegócio (Calcário e Fertilizantes).

Dagoberto Fontoura de Barcellos foi homenageado na Segunda Capital Farroupilha com a denominação de rua localizada no Bairro Floresta, setor 11, lado norte desta cidade, conforme Lei Municipal nº13, de 09 de maio de 1974; e também de escola em terreno doado pela família, localizada na BR 392, criada através de Decreto nº 06-A/76,  de 1º de março de 1976.

Dagoberto Fontoura de Barcellos faleceu em 1º de dezembro de 1969, com 69 anos de idade. A partir daí, seus filhos João Ernesto, Gilberto, Dagoberto Filho e Vera assumiram o comando e deram continuidade a já consolidada empresa.                 

A família Dagoberto Barcellos, o quadro de funcionários e, certamente, Caçapava do Sul, comemoram com muito orgulho, nesta data, os “100 Anos” de atividades da Empresa, sempre contribuindo com o desenvolvimento do município na geração de emprego e renda, e também apoiando entidades sociais e culturais.

A empresa centenária atualmente conta com 396 funcionários diretos e tem como dirigentes Oldair Nascimento de Barcellos (Diretor Administrativo/Financeiro) e Dalvi Melo Dias (diretor Comercial/Industrial).         

Fátima Jovane Nunes
Pesquisadora