Hino de Caçapava
O Hino de Caçapava do Sul foi oficializado através de Lei Municipal nº 27, de 05 de novembro de 1974, na gestão do então prefeito Alcides José Saldanha. Tem letra da professora Clara Haag Kipper e música do maestro Victor Neves. Em 30 de janeiro de 1985 foi feita a reconstituição da partitura pelo maestro Luiz Henrique Gervásio Lemos.

Houve índios que abriram a clareira
Construindo na mata frondosa
A aldeia futura cidade,
Caçapava, lendária e gloriosa.

E arados sulcaram a terra,
Espalhando a semente no chão…
As coxilhas ficaram mais verdes
E o labor se tornou tradição.

Estribilho: Sentinela avançada dos cerros,
Capital da beleza e do amor;
Há riqueza guardada em teu solo,
Numa festa de luz e de cor
Há promessas de paz e esperança
Nesta terra de tanto valor.

Quantas vezes, nos dias passados,
Escrevendo um pedaço da história,
Os heróis farroupilhas tombaram
Em momentos solenes de glórias,
Cantam hinos as águas da fonte,
Recordando que és berço dourado,
De homens fortes que forjam o futuro,
No presente cultuando o passado.

Hino do Sesquicentenário
1831 – 1981
No ano em que Caçapava do Sul comemorou os seus 150 anos de emancipação político-administrativa, na administração de Cyro Carlos de Melo, foi realizado um concurso para a escolha do hino que registrava tão importante data. Entre 28 trabalhos apresentados foi escolhido o de autoria do padre Otávio Cequim (letra) e Eugênio Marcelino Cequim (música), oficializado através da Lei Municipal nº41, de 21 de dezembro de 1982.

Caçapava de glórias altivas,

Fortalece teus feitos agora,
Recordando entre cantos e vivas,
Nova data de fúlgida aurora!

Estribilho: Salve terra de ilustres heróis!
Salve gente da cor farroupilha!
Que ressurjam, de novo, outros sóis
A seguirem, com fé, a tua trilha!..

2. Vive “em cada tijolo uma história”
A cantar as bravuras de outrora!
“Cada pedra é legenda de glória”
Deste povo que sempre te adora!

3. Caçapava sesquicentenária,
Nosso júbilo, hoje, se expande
Porque és a vital operária
Da grandeza de nosso Rio Grande!


Fátima Jovane Nunes

Pesquisadora