Aos poucos, a economia começa a se recuperar dos efeitos causados pela greve dos caminhoneiros, que durou dez dias (21 a 30 de maio) e paralisou serviços, entre eles, o fornecimento de combustíveis e a distribuição de alimentos, o que levou o Brasil à beira do colapso.

De doze itens da cesta básica pesquisados pelo economista Harri Gervásio no dia 19 de maio – três dias antes da greve dos caminhoneiros – em relação aos preços da pesquisa realizada na quarta-feira, dia 20 de junho, cinco produtos apresentaram preços menores. O quilo de arroz tipo 2 que custava R$ 1,99 em 19 de maio baixou para R$ 1,89 nesta semana, queda de 5,02%. O café moído 500 gramas caiu 34,5%, o quilo do feijão comum baixou 3,67%, o frango (kg) diminuiu 18,40% e o óleo de soja 900ml teve queda de 9,11% se comparado com o preço praticado antes da paralização.

Conforme pesquisa no dia 09 de junho – 10 dias de após o fim da greve dos caminhoneiros – a lei da oferta e procura elevou os preços de alguns itens da cesta básica. O açúcar cristal 2kg teve aumento de 33,4%, o quilo da batata inglesa subiu 131,7%, a cebola 9,54%, a farinha de trigo 15,10%, o litro de leite 17,95%, a margarina 16,49%, o óleo de soja 12,15% e a dúzia de ovos 10,66%, em comparação a cesta básica do dia 19 de maio.

Ontem, dia 21, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15), que mede a prévia da inflação oficial, registrou taxa de 1,11% em junho, ou seja, uma forte alta em relação às prévias de maio (0,14%) e de junho (0,16%). Essa foi a maior taxa do IPCA-15 para um mês de junho desde 1996, quando foi registrado o mesmo índice.
O IPCA-15 acumulado no trimestre ficou em 1,46%, acima da taxa de 0,61% registrada no mesmo período de 2017. Com isso, o acumulado no ano está em 2,35%, acima do 1,62% registrado em 2017. Em 12 meses, o IPCA-15 acumula taxa de inflação de 3,68%, acima dos 2,7% registrados nos 12 meses anteriores.

A alta da taxa foi puxada principalmente pelos alimentos e pelos transportes. O grupo alimentação teve alta de preços de 1,57% no mês, impulsionado por alimentos como batata-inglesa (45,12%), cebola (19,95%) e tomate (14,15%).

Já os transportes tiveram inflação de 1,95%, puxada pela alta de preços da gasolina (0,81%), que teve o maior impacto individual na prévia do IPCA, do etanol (2,36%) e do óleo diesel (3,06%).

O grupo habitação também teve impacto importante no índice, com taxa de 1,74%, devido principalmente a reajustes de tarifas de energia elétrica (5,44%), que aumentou nas cidades de Belo Horizonte, Recife, Fortaleza, Porto Alegre e Salvador.

O IPCA-15 foi calculado com base em preços coletados entre os dias 16 de maio e 13 de junho, portanto durante a greve nacional dos caminhoneiros, que provocou desabastecimento em várias cidades do país.

CESTA BÁSICA
PRODUTO                                    19/05                          09/06                     20/06
Açúcar Cristal                              R$ 2,99                      R$ 3,99                   R$ 3,49
Arroz 1kg Tipo 2                         R$ 1,99                       R$ 1,99                    R$ 1,89
Batata Inglesa KG                      R$ 1,29                       R$ 2,99                   R$ 2,09
Café Moído 500g                        R$ 10,99                    R$ 6,95                   R$ 7,19
Cebola Kg                                     R$ 4,19                       R$ 4,59                   R$ 4,29
Farinha de Trigo Kg                  R$ 1,39                        R$ 1,60                   R$ 2,29
Feijão Comum Kg                      R$ 2,99                       R$ 3,09                   R$ 2,88
Frango Kg                                    R$ 4,89                       R$ 3,99                   R$ 3,99
Leite Tipo C litro                        R$ 2,45                       R$ 2,89                   R$ 3,38
Margarina 500g                          R$ 3,94                      R$ 4,59                   R$ 4,59
Óleo de Soja 900ml                    R$ 3,29                      R$ 3,69                   R$ 2,99
Ovos                                               R$ 4,69                      R$ 5,19                   R$ 5,29

Fonte: Peruzzo Supermercados