Um cheirinho de pastelzinho frito na hora, pizza, café e chocolates quentes e sucos levaram os caçapavanos fazerem filas no Pastel do Ade, nesta segunda-feira, dia 19, no Calçadão

O jovem empreendedor Adenir Luiz Oliveira, que vendia os salgados como vendedor ambulante na rua 15 de Novembro, está sorrindo à toa com o sucesso de seu ponto fixo de vendas, o Quiosque do Pastel do Ade, cedido pela Prefeitura Municipal.

Enquanto se regularizava com a ajuda da Vigilância Sanitária, Secretaria da Fazenda e do empresário Luciano Pavanato para tirar seu cadastro de Micro Empreendedor Individual (MEI), ele já organizava o espaço emprestado pela Prefeitura para ser seu futuro ponto comercial.

O local, que foi pintado pelo próprio Adenir, ganhou outdoor e placa indicando seu novo empreendimento.

Ele já chamava atenção não somente pelo sabor do pastel, mas também pela roupa de Chef de Cozinha, sempre bem aprumada e que serve como seu “cartão de visita” aos clientes.

Com 18 anos, e muita determinação, o futuro chef diz que ele mesmo prepara os pasteis, enroladinhos, pizzas, café e sucos que vende. À noite, após se dedicar aos estudos no Ensino de Jovens e Adultos (EJA), na Escola Nossa Senhora da Assunção, ele prepara os salgados do dia seguinte e descansa para a rotina que faz com alegria: vender seus produtos e sonhar em se especializar para, no futuro, ter seu próprio negócio.


Entre os fregueses de hoje a tarde, o prefeito Giovani Amestoy e sua equipe de Gabinete, que também não resistiu às guloseimas e foram garantir o café da tarde , com o pastel do futuro chef caçapavano.

“O Adenir é um exemplo desta juventude empreendedora, que sonha em ser dona do próprio negócio. E ele, por ser determiando, lutar para conquistar seu espaço e não ter medo do trabalho, certamente conquistará o que deseja”, disse o prefeito, enquanto encomendava o lanchinho da tarde.

O Pastel do Ade fica aberto das 8h às 18h, de segunda a sábado

 

(Coordenadoria de Comunicação da Prefeitura)

Publicado em 19/06/2017, às 22h14