Foto: Divulgação

A Delegacia de Polícia de São Sepé ganhou um importante aliado esta semana: o acesso em tempo real das imagens captadas pelas câmeras de segurança do município.
⠀⠀⠀⠀⠀
Até então, o monitoramento ao vivo era exclusivo da Brigada Militar, onde está localizada a central de controle do sistema. Atendendo a um pedido das autoridades, a prefeitura solicitou à empresa DGT, que presta a manutenção dos equipamentos, que providenciasse o espelhamento para a Polícia Civil. O reforço tecnológico deve agilizar o trabalho no órgão.
⠀⠀⠀⠀⠀
Instaladas em 2017, as câmeras de vigilância representam um custo de R$43,5 mil mensais aos cofres públicos. “O valor que pagamos para manter o videomonitoramento é significativo e representa um esforço financeiro grande, especialmente em tempos difíceis. No entanto, estamos falando de um investimento na área de segurança pública, que é fundamental para a população e para colaborar com as autoridades”, diz o Prefeito Léo Girardello.
⠀⠀⠀⠀⠀
Atualmente, São Sepé tem 90 pontos de captação de imagens em funcionamento, que abrangem diferentes regiões do município.

Fonte: Prefeitura Municipal de São Sepé