Selecione a página

A fantasia se torna real

A fantasia se torna real

Talvez seja falta de conhecimento, mas me parece haver poucos livros que são adaptações de filmes. O contrário, isso há aos montes: Harry Potter, O senhor dos anéis, Emma, Uma dobra no tempo, etc. Se alguém souber de um livro que seja baseado num filme, aceito indicações, porque, pela primeira vez, li uma obra que se encaixa nesse quesito – Labirinto, de A.C.H. Smith, baseado no filme homônimo de Jim Henson – e gostei bastante.

Como a coluna é dedicada a falar de livros, deixo o filme de lado e foco apenas na adaptação literária.

Em Labirinto, a protagonista é Sarah, uma garota de 15 anos que sonha ser atriz, como a mãe, de quem é grande fã. Ela está em um parque, encenando trechos de um livro, Labirinto. Concentrada, não vê o tempo passar, e se assusta ao ouvir o relógio badalar para marcar 19h. Vendo-se atrasada, corre de volta para casa, onde encontra a madrasta já arrumada para sair.

Os pais de Sarah são separados, e ela mora com o pai, a madrasta e o irmão bebê, Toby, mas prefere a companhia da mãe e do namorado, o também ator Jeremy, pois a convivência com a madrasta não é fácil. Neste dia mesmo, elas têm uma pequena discussão.

Enquanto o pai e a madrasta saem, Sarah fica tomando conta de Toby. Em seu quarto, a garota percebe a ausência de um de seus ursos de pelúcia, Lancelot, e imediatamente tem a certeza de que o encontrará no quarto do bebê.

Ao entrar correndo no cômodo, Sarah acaba acordando o irmão, que começa a chorar cada vez mais alto. Já estressada por causa da discussão com a madrasta, ela começa a se sentir pior com o constante choro de Toby, e acaba pedindo que o irmão seja levado embora, recitando um trecho de Labirinto em que a personagem faz o mesmo.

O que Sarah não podia imaginar é que, tal como no livro, seu desejo se tornaria realidade. Agora, ela tem de reencontrar Toby e, para isso, como acontece com a protagonista de seu livro, precisará enfrentar muitos perigos para atravessar um labirinto em apenas 13 horas. Caso contrário, perderá o irmão para sempre.

 

Referência:

HENSON, Jim; SMITH, A.C.H. Labirinto. Tradução de Giovanna Louise. Ilustrações de Brian Froud. Rio de Janeiro: Darkside Books, 2016. 272p.

Sobre o autor

Ouça nosso Podcast

TV Gazeta – Vídeos

Previsão do Tempo

Publicidade

Publicidade

RESULTADOS

Signos

Publicidade

Publicidade