O Comando de Fuzileiros Navais abriu edital para selecionar candidatos para o Curso de Formação de Soldados Fuzileiros Navais. As inscrições podem ser feitas, de 2 a 30 de março, pela internet e contemplam duas turmas para o ano que vem.

A seleção ocorre em seis etapas e terá como critério de avaliação a escolaridade, dados biográficos, verificação de documentos, inspeção de saúde, teste de suficiência física e exame psicológico.

A prova de escolaridade consiste em um exame de três horas com questões de Língua Portuguesa e Matemática de 50 questões de múltipla escolha. A pontuação máxima é de cem anos. O exame está previsto para o dia 30 de maio, às 10h. Os candidatos podem usar lápis e caneta esferográfica azul ou preta para responder às questões. Também devem portar o documento de identidade.

O treinamento terá duração de 17 semanas e será ministrado no Rio de Janeiro, no Centro de Instrução Almirante Milcíades Portela Alves (CIAMPA). Também haverá aulas em Brasília, no Centro de Instrução e Adestramento, em regime de internato.

Para os candidatos das Regiões Sul e Sudeste, serão destinadas 1.060 vagas. Outras 240 são voltadas para as regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste. O edita ainda prevê a reserva de 20% das vagas para candidatos negros.

Os aprovados serão matriculados no curso como Recrutas Fuzileiros Navais. Os selecionados recebem ainda alimentação, uniforme e assistência médico-odontológica.

A taxa de inscrição é de R$ 20, e os boletos podem ser pagos até 31 de março. As vagas do concurso são apenas para homens entre 18 e 21 anos, que não seja isento do serviço militar. Também é preciso ter concluído o ensino médio, além de ter entre 1,54 metro e 2 metros de altura.

Ainda é possível pedir a isenção do pagamento da taxa, mas, para isso, é preciso comprovar a renda da família no momento da inscrição.