Beni durante apresentação na Casereada da Canção da Nativa
(Foto: Arquivo)

 

Um dos maiores nomes da trova do Rio Grande do Sul, o trovador, radialista e compositor caçapavano Beni Irajá de Bairros Nascimento morreu na manhã deste sábado, dia 17, aos 63 anos, vítima de infarto do coração.

Beni Nascimento, como era conhecido, ganhou inúmeros concursos de Trova no Estado e sagrou-se tricampeão do Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (ENART). Suas composições foram gravadas por dezenas de grupos e cantores gaúchos, entre eles, os Mateadores e a dupla Osvaldir e Carlos Magrão.

Ele trabalhava na Rádio Portal FM, onde apresentou os programas “Marca Gaúcha” e “Poema, Charla e Cantiga”. Também comandou o programa “Sabadão Sertanejo”.

O corpo do artista estão sendo velado no CTG Pampa e Querência, na Vila Batista. O sepultamento está prevista para às 10h de domingo, dia 18, no Cemitério das Catacumbas, serviços fúnebres Funerária do Forte.

Beni Nascimento deixa três filhos: Cassiano, Kamilla e Kahiky; e três netos.