Select Page

Mundo Pet – Intoxicação Medicamentosa – Ardalla Ribeiro Ferreira

Mundo Pet – Intoxicação Medicamentosa – Ardalla Ribeiro Ferreira

Nem todo medicamento de humano serve para seu pet. Tome cuidado!
Os pets ainda sofrem muito em função dos donos acharem que eles podem utilizar os mesmos medicamentos que nós, só que em menor dose, os cães são vistos como crianças, então é sódiminuir a dose, e os gatos sofrem ainda mais, pois muitas vezes são vistos como cães pequenos e é aí que mora o perigo.

Os fatores como dose ministrada, tipo de medicação, idade e condição física do animal, determinam o tipo de reação que será apresentada.

Gatos, assim como outros animais, possuem receptores para fármacos, processo de absorção e distribuição dos medicamentos muito semelhantes, quando comparados aos cães. Contudo, o metabolismo do fármaco pode ser significativamente diferente, o que afeta diretamente a sua eliminação. A diferença nesta metabolização pode resultar em altas concentrações do medicamento, podendo levar a intoxicações severas.

Abaixo listamos alguns medicamentos proibidos:
CÃES
– Diclofenaco de potássio (Cataflan®)
– Diclofenaco sódico (Voltaren®) e a grande maioria dos anti-inflamatórios de uso humano.
– Piridium®

GATOS
– Acido acetil salicílico (Aspirina®)
– Paracetamol (Tylenol®, Anador®)
– Iboprofeno (Advil®)
– Piridium®
– Diclofenaco potássio (Cataflan®)
– Diclofenaco sódico (Voltaren®)

Não dê medicação ao seu Pet sem orientação de um profissional Médico Veterinário, pois o problema decorrente disso pode causar sérias complicações do quadro e levar até a morte.

Ardalla Ribeiro Ferreira
Médica Veterinária
CRMV/RS 12664

Sobre o(a) Autor(a)

Já nas bancas

Curta nossa página

Publicidade

Publicidade