Select Page

Prefeitos reclamam da demora na liberação de auxílio às cidades

Prefeitos reclamam da demora na liberação de auxílio às cidades

Mais de 200 prefeitos participaram de uma reunião na Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs), em Porto Alegre, na segunda-feira, 5. Na ocasião, os gestores municipais relataram dificuldades em homologar os decretos de situação de emergência e reclamaram da burocracia Estadual e Federal na liberação de auxílio às cidades afetadas.

O Prefeito Giovani Amestoy e o Secretário de Planejamento Flávio Monteiro estiveram presentes. O prefeito de Caçapava reclamou sobre a demora na viabilização de recursos. Disse que decretou emergência no dia 15 de março e até agora não conseguiu absolutamente nada para o município.

Uma pesquisa realizada pela Famurs apontou que os municípios gaúchos estimam em R$117 milhões os prejuízos causados pelos estragos das chuvas. O total de cidades em situação de emergência pode chegar a 213 no Rio Grande do Sul. Ao todo, 230 prefeituras informaram estimativa de perdas com as chuvas. Na média, o prejuízo foi de R$511 mil por município. O Levantamento foi realizado entre os dias 1º e 2 de junho e contou com 459 respostas.

Estiveram presentes no evento os Secretário de Transporte do RS, Frederico Westphalen, o Secretário da Agricultura do RS, Ernani Polo, o Secretário Ajunto do Desenvolvimento Rural do RS, Iberê Orsi, o Chefe da Defesa Civil do RS, Alexandre Martins, o representante do Ministério da Integração Nacional na Região Sul, Alexandre Kapper; o Deputado Federal Covatti Filho e a Deputada Estadual Zilá Breitenbach.

Coordenadoria de Comunicação da Prefeitura 

Sobre o(a) Autor(a)

Previsão do Tempo

TV Gazeta – Mil Edições