Distribuidora beneficia 16 mil clientes em ações no município
Foto: RGE/Divulgação

 

Nos últimos anos a demanda por energia elétrica em Caçapava está crescendo, uma expansão econômica alavancada por empresas de extração de minerais, principal atividade industrial do município. Para estar alinhada a essa evolução, a RGE Sul investiu R$ 9,32 milhões em obras que abrangem todos os quesitos do sistema elétrico da cidade.

O trabalho da distribuidora do Grupo CPFL na cidade está voltado para a melhoria da distribuição para os mais de 16 mil clientes. Do total aportado na cidade, R$ 4,34 milhões foram investidos na melhoria dos níveis de tensão, com foco na instalação de novos componentes e novas fontes de abastecimento.

Outros R$ 2,4 milhões foram destinados para obras para adequações das redes, troca de transformadores, manutenção de religadores e reguladores de tensão, reforma de redes de distribuição, substituição de cabos de linhas já existentes.

Por exemplo, em agosto a distribuidora instalou 240 postes, sendo 145 trocas de madeira por concreto e construção de 16,5 Km de rede nova. A obra complementa a ampliação do setor 13,8 kV da Subestação de Caçapava do Sul. Para o trabalho foram destacados mais de 90 profissionais, entre técnicos e engenheiros. “Essa obra especialmente beneficia mais de 7 mil clientes da área urbana de Caçapava do Sul, incluindo as mineradoras da Estrada dos Maciel”, completa o Consultor de Negócios da RGE Sul, Carlos Amorim.

Também foram investidos R$ 2,06 milhões em novas ligações urbanas e rurais, de núcleos habitacionais e substituição de medidores de baixa, média e alta tensão, além de reforma e modernização das redes envolvidas.

A concessionária aplicou outros R$ 414 mil foram investidos em equipamentos e, principalmente, troca de postes de madeira por novas unidades de concreto, que são mais resistentes e reduzem os riscos de interrupção no fornecimento, principalmente em dias de tempestades e ventos fortes.

 Somente de janeiro a setembro de 2017 a RGE Sul investiu 267,8 milhões em obras e melhorias em todos os 118 municípios de sua área. O montante representa 42% a mais em investimento, comparado ao mesmo período de 2016, quando o valor aplicado foi de R$ 188,6 milhões.


Imprensa da RGE Sul