Selecione a página

Empresários se reinventam e mudam de segmento na pandemia

Empresários se reinventam e mudam de segmento na pandemia

Adão Flávio produz todos os dias os itens que são oferecidos no cardápio e os bolos presentes da Cica são sucesso entre as clientes

Cozinhar é uma arte. Exige conhecimento, dedicação, habilidade e, principalmente, amor. Se adicionarmos esses ingredientes, um prato simples ou elaborado pode seduzir e encantar, seja pela aparência ou pelo sabor. É com esta receita que os empresários Ana Ferreira, a Cica e Adão Flávio seguem fazendo sucesso mesmo tendo que mudar de segmento neste ano atípico que estamos vivendo.

Talento na decoração agora é usado para enfeitar bolos

A decoradora de festas que com criatividade e delicadeza transformava sonhos em realidade, hoje usa o talento para enfeitar bolos feitos por ela. “Quando a pandemia chegou as festas pararam e fiquei baixo astral porque decorar é uma atividade que faço de coração, me envolvo com isso. Mas precisava arranjar um jeito de suprir a falta de faturamento. Havia as contas de aluguel do depósito onde armazeno os objetos. Como fazia bolos para a família, minha filhas sugeriram que eu começasse a produzir bolos artesanais para vender. E deu certo!”, comemora Cica.

A rotina agitada e o planejamento semanal continuam. Para fazer uma decoração, a empresária iniciava a organização na segunda, anotando e confirmando os detalhes para que tudo saísse como o planejado durante a festa. “Chegávamos no local três dias antes. Nosso trabalho envolvia ainda carregar caminhão, montar as estruturas, os arranjos de flores e após desmontávamos tudo isso. Hoje faço bolos artesanais para café e chá e de segunda à sábado. Faço as entregas para os clientes que preferem assim. A novidade agora é o Bolo Presente que encomendado por quem presentear. Seja para aniversário ou data comemorativa. Está sendo muito gratificante, pois é uma surpresa emocionante para quem recebe. Quando vou entregar canto parabéns, às vezes escrevo um recado. É um modo que encontrei para não ficar pensando tanto nas decorações das festas”, avalia.

A empresária usa as redes sociais para publicar fotos e marcar os clientes. Essa divulgação fez com que surgissem novos clientes. “Alguns já me acompanhavam nas redes sociais, por conta das decorações e continuam me apoiando.

Sempre gostei de preparar bolos, mas nunca havia cogitado a ideia de vendê-los. Pude colocar os meus toques de decoração de festas nos bolos. É um momento que nunca havíamos pensado em passar. Trouxe dificuldades para muitas pessoas que tiveram que mudar a sua atividade pela sobrevivência, ou até mesmo ocupar seu tempo para evitar o estresse. Mas tudo vai passar! Confiemos em Deus! Sou grata a todos os amigos e clientes que estão me incentivando a passar por esse momento tão difícil”, confidencia Cica.

A comida do buffet se transformou em congelados

A semana começava agitada: organizar a agenda, dividir a equipe e tarefas quando havia dois jantares no mesmo dia, separar, carregar e levar o material até o local da festa, limpar, polir louças, montar mesas, fazer as compras, selecionar os produtos, para finalmente, iniciar o preparo dos alimentos. Após as festas mais trabalho pela frente: recolher tudo, higienizar e organizar para o próximo evento. Essa era a rotina de Adão Flávio de Oliveira Marques, Luciane Garra Machado, sua esposa e a equipe do buffet antes da pandemia. Tarefa puxada que exigia planejar detalhadamente as ações para não haver falhas.

Eles continuam no ramo da alimentação, porém o foco é outro. Do buffet de festas para a produção de congelados. “Tivemos que nos reinventar porque precisávamos continuar trabalhando, ter receita, então partimos para a produção de alimentos congelados. Como os eventos não estavam acontecendo tivemos que fazer algo diferente”, revela o empresário.

A produção é semanal, Adão Flávio fabrica diariamente os itens do cardápio. Têm clientes fixos, famílias cujos os pais trabalham em turno integral, que optaram por este tipo de refeição. Eles pedem para a semana toda. Mas também têm clientes eventuais e em Santa Maria.

Adão Flávio também organiza jantares a domicílio, para quem gosta de comemorações intimistas. Empresas e mercados também são clientes. O contato acontece através das redes sociais e a ferramenta dissemina o serviço. É o próprio cheff que faz as entregas, sem cobrança de taxa.

“Há mais de 20 anos trabalhamos com alimentação, gostamos de cozinhar e fizemos com amor. Tudo que temos, que conquistamos, é fruto do nosso trabalho. Trabalhamos com dedicação e vontade. Temos carinho pelo que fazemos e respeitamos nossos clientes. Procuramos oferecer um produto de excelência. Conquistamos a confiança do público e nosso nome tem credibilidade. Então temos que fazer um produto à altura”, analisa.

O mundo foi afetado pela pandemia, o poder de compra diminuiu, as pessoas estão cautelosas. Para o empresário, é preciso ter consciência e acreditar no potencial de cada um. “Devemos buscar uma maneira de conseguir sobreviver a esse caos que se instaurou. Precisamos ter criatividade para continuar com uma fonte de renda”, sugere Adão Flávio.

Muitas pessoas estão investindo na comercialização de alimentos, a maioria não possui loja física. Dessa alternativa de ter uma renda em meio a delicada situação financeira que vivemos, surgem deliciosas produções artesanais.

Sugestões de comidinhas gostosas:

Cica/Bolos – (55) 9114-7880

Adão Flávio/Congelados – (55) 99967-4146

Marina Guterres/Comidinhas fitness – (55) 99986-2880

Divas na Cozinha/Bolos, tortas e salgados – (55) 99917-2508

Delícias da Elisa/Salgados – (55) 99930-1576

Decore Doces/Doces – (55) 99641-5215

Salete Doces e Salgados/Cuca alemã, torta fria – (55) 99657-6848

Pimenta Rosa/Sanduíches artesanais, pães de fermentação natural – (55) 98164-8383

Armazém Cozinha Artesanal/Pães e bolos tradicionais e integrais – (55) 99931-1233

Quitutes Gourmet/Bolo de pote, copo da felicidade – (55) 99703-0079

Cassiane de Sena Lopes/Doces, pudim de sorvete – (55) 99717-2279

Step Dog/Hot dogs – (55) 99678-8715

Orelhana Geleias Especiais/Geleias  – (55) 99607-1201

Caminito Café/Cafés – (55) 99710-6654

Fernanda Torres/Brownie – (55) 99166-0609

Gourmet Fest/Salgados, bolos e pizzas – (55) 99900-2549

Bom Gosto Feest Food/Almoços – (55) 99133-1051

Divino/Lasanhas – (55) 99617-2691

Brigadeiru´s/Brigadeiros e bolos – (55) 99174-5777

Toca da Formiga/Brownies artesanais – (55) 99620-7299

Gorete Doces/Doces caramelados e glaceados – (55) 99910-8512

Lidi Pães Recheados e Salgados/Pães recheados – (55) 98106-8544

Por Tisa de Oliveira – MT 0017257/RS

Sobre o autor

Publicidade

Ouça nosso Podcast

TV Gazeta – Vídeos

Previsão do Tempo

Publicidade

Publicidade

RESULTADOS

Signos

Publicidade

Publicidade