Projeto Salvar é desenvolvido por Cássia, Maurício e outros voluntários
Foto: Marcelo Marques


Crianças e adolescentes com idade entre 09 e 14 anos poderão integrar o “Projeto Salvar”, um programa de complementação educacional promovido pela empresa Apli-k Cursos e Treinamentos.

Segundo o voluntário Maurício Oliveira, Técnico em Segurança do Trabalho e Bombeiro Civil o principal objetivo do projeto é a orientação vocacional, desenvolvimento de personalidade,valorização da cidadania, resgatar a autoestima e levar o conceito de cidadania e civismo, disciplina e educação aos aprendizes.

– Além disso, instruir e praticar as habilidades de bombeiros relativas a primeiros socorros, prevenção e combate a incêndio, salvamento, educação física, prevenção contra as drogas e inserção da prática esportiva no dia a dia do aluno – disse.

O projeto será desenvolvido a partir do dia 14 de abril de 2018, seguindo o calendário escolar. As aulas ocorrerão no Instituto Educacional Dinarte Riberto no contra turno da escola, das 13h30 às 17h. Será servido lanche.
– Para participar o aluno de estar matriculado em escola pública, ser de família carente, com renda inferior a dois salários mínimos. Será dado preferência para a família que participar de algum programa social do governo Federal – informa a psicóloga Cássia França Oliveira.

Os 30 estudantes selecionados receberão instruções de enfermeiros, técnicos em segurança, técnicos em enfermagem, bombeiros profissionais civis, profissionais da educação física e voluntários.
Para desenvolver o projeto, os voluntários estão buscando patrocinadores para alimentação, transporte e uniforme dos alunos.

A seleção dos jovens será realizada pela empresa Apli-k Cursos e Treinamentos. Eles passarão por avaliação psicológica. O coordenador do programa acompanhará o boletim escolar do aprendiz.

Mais informações sobre projeto poderão ser obtidas com Maurício Oliveira pelo celular (55) 99973 7904 ou 99138 8728, com Cássia França Oliveira.